Estilistas apostam na renda como tendência para noivas

junho 6th, 2013

estilistas-apostam-na-renda-como-tendencia-para-noivas

 

O dia do casamento!  Esta é uma das datas mais esperadas e importantes na vida de uma mulher.    Não há, portanto, como não tratá-la de forma  especial.  Tornar este momento inesquecível para os noivos é essencial e vale a pena. Por isso, pensar nos mínimos detalhes para que tudo saia perfeito é imprescindível. A começar pela beleza da noiva, que deve escolher a dedo seu vestido. Para falar com propriedade sobre o assunto, esta matéria traz três profissionais do ramo em Presidente Prudente: a gerente e estilista,  da Regina Célia a Rigor Érika Leonel Marin, 30 anos; a proprietária do ateliê que leva o seu nome,  Terezinha Brito, 55 anos;  e Roberta Campos,  também proprietária de um ateliê na cidade.
Todas as entrevistadas são unânimes ao dizerem que as tendências para 2013/14 trazem toda a delicadeza e o romantismo que a ocasião pede. São vestidos em renda e com bordados, em tecidos leves e esvoaçantes. De acordo com Marin, o tomara que caia é um modelo universal, porém,  as noivas têm buscado algo diferente como alças, mangas curtas de renda e valorizando mais os decotes nas costas.  “O que está totalmente em alta são as telas ilusion, que são como uma segunda pele que se ajusta no corpo. E a renda nela bordada dá a impressão de estar colada à própria pele”, destaca.Em relação aos modelos, a estilista comenta que os mais procurados são o evasê, godê e sereia. Contudo, segundo ela, não existe uma moda ditada do que a noiva deve ou não usar. E sim que ela deve escolher aquele que valorize a sua silhueta. E que acima de tudo a faça se sentir bem.Marin reforça a renda como o auge do momento e considera que esta pode ser usada tanto em uma celebração durante o dia, quanto à noite. E até mesmo em espaços abertos, como campo e à beira da piscina, entre outros locais. “O que recomendamos é que se a cerimônia é de dia escolher uma seda pura com rendas francesas, por exemplo. À noite já pode abusar um pouco mais com a soutache, que é em alto relevo [muito bonita]. Ou ainda a guipier, que é um pouco mais pesada. E também cabe mais brilho e pedrarias. A renda bordada direto no tule também fica belíssima”, esclarece.

Bela e Confortável

Brito diz que cada noiva tem seu próprio estilo, bem como o vestido dos seus sonhos. Assim, mais do que apresentar-lhes o que está na moda no mundo inteiro, a preocupação é em deixá-la realmente bela e confortável. “Claro que lhes apresentamos as tendências, mas também mostramos em detalhes os cortes que poderão se adequar melhor ao seu manequim. O importante é deixá-las felizes e lindas para o seu grande dia”, ressalta. Uma dica que ela dá é quanto ao uso dos véus. Que apesar de algumas optarem em se casar sem ele, a maioria não abre mão. Algumas noivas preferem os longos, outras, mais curtos. “Além de criar um certo mistério até que o noivo descubra seu rosto no altar, valoriza a beleza delas. Se o vestido for mais carregado de pedras é recomendável que coloque um véu mais leve, puro ou com uma mantilha”, enfatiza. Entre os acessórios, Brito declara que a última moda e também a preferência das noivas é o porta-coque. Em relação ao buquê, aconselha que deve ser de acordo com a estatura, o estilo e até a fisionomia da noiva. “Esse é um dos acessórios mais importantes para a noiva. Elas devem atentar-se, quando são baixinhas escolham um menor, e se mais alta um mais comprido. A cor vai do gosto de cada uma”, aconselha. No ateliê, para o inverno, além dos vestidos com mangas, em geral de renda, tem ainda como opção os bolerinhos, ou ainda um casaco branco de vison, tendências Europeias. Também empresária, Roberta Campos, 28 anos, começou a trabalhar no ramo de noivas aos 15 anos em uma loja de Araçatuba (SP). “Depois de 13 anos de trabalho realizando sonhos e vitórias profissionais, ter a consciência de que faço parte da vida dessas mulheres em uma data tão especial é imensamente gratificante”, salienta. Ela conta que normalmente trabalham com tendências européias, que podem ser encontradas nos mais altos estilos na loja. “Uma vez por ano vou à Espanha para ver o que está na moda e montar nossas coleções. Estive em Madri para conhecer uma nova marca que aponta o modelo como o queridinho das noivas, não só da Europa, mas do Brasil também”, afirma.

E comenta que em uma cerimônia durante o dia, a noiva tem que ter cuidado com o excesso de brilho e também com o modelo que deve ser mais discreto. “Se elas não abrem mão de todo o glamour e brilho, o ideal é que se case à noite, pois ai pode abusar de tudo que tem direito, mas tomando cuidado com excessos”. Em se tratando de tecidos mais usados, concorda com as demais profissionais apontando os tecidos leves, como o tule, gazar e sem dúvida as rendas. Campos afirma que a cor predominante para a data ainda é o branco, mas, como toda regra tem sua exceção, o off white [variações das cores branco e bege] tem sido escolha de noivas que buscam diferencial para seu vestido. Ela diz que a procura pelo tomara que cai tem sido deixada de lado por conta dos tantos modelos de renda, fazendo charmes com alças trazendo a transparência e o desenho da renda que cria a ilusão de que está colada ao corpo.

Para Campos, como destaques em acessórios estão as flores, o charme da casquete para noivas modernas e autênticas. Porém, ressalta que com o coque em alta, a procura de fitas inteira de metal ou com leve brilho e strass é o que mais se tem visto adornando o penteado delas.“Não podemos esquecer do véu, principalmente o longo, que não é somente uma tendência, mas algo tradicional e é escolha de 90% das noivas. Eu articularmente recomendo sempre”, frisa. No inverno, a estilista explica que nos modelos não há tanta mudança, e sim nos acessórios, como boleros e estolas acompanhando o vestido.

Leave a Reply